Eliziane Gama critica política ambiental de Ricardo Salles

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), criticou, o anúncio pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, da extinção de resoluções que delimitam as (Áreas de Proteção permanente (APPs) de manguezais e de restingas do litoral brasileiro.

O anúncio feito pelo ministro durante reunião do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) abre espaço para especulação imobiliária nas faixas de vegetação das praias e ocupação de áreas de mangues para produção de camarão.

Segundo Eliziane a extinção das regras é mais um aspecto negativo na política ambiental no país.

“É Inaceitável a decisão do governo de extinguir as regras que protegem manguezais e restingas no litoral do Brasil. Com o controle do Conama nas mãos, o ministério do Meio ambiente avança na negação da política ambiental brasileira.”, disse Eliziane.

Além dessa nova regra, o Conama revogou a resolução que exigia o licenciamento ambiental para projetos de irrigação e aprovou uma nova regra que permite que materiais de embalagens e restos de agrotóxicos possam ser queimados em fornos industriais para serem transformados em cimento, substituindo as regras que determinavam o devido descarte ambiental do material.

Foto: Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *